quinta-feira, 3 de julho de 2008

Recordando o Padre Joaquim Valente

O Colégio Liceal de S.Paulo foi um verdadeiro exemplo de união entre alunos e seus professores.
União essa que se foi consolidando através dos tempos até aos dias de hoje.
Assim, anualmente, reunem-se num almoço de convívio em Fátima, para recordar os que entretanto já nos deixaram, através de uma missa celebrada pelo Padre Luís Marques.
Este ano foi lembrado o nosso saudoso Director o Sr. Padre Joaquim Valente, que entretanto faleceu, pouco tempo antes. Era, no tempo em que frequentei o Colégio, nosso professor de Religião e Moral e Canto Coral.
Após a celebração da missa, passa-se para a sala de convívio onde é servido o almoço e onde, entre uma sopa ou uma garfada de arroz, vamos trocando palavras, revivendo aventuras, algumas bem felizes, outras nem tanto, vamos sabendo do paradeiro deste ou daquele colega que entretanto está ausente e assim vamos matando as saudades.
E para se matar as saudades, vão-se registando para a posteridade, algumas fotos bem giras!
Também no passado e pelo aniversário do nosso Director e Professor Padre Joaquim Valente, os antigos alunos preparavam-lhe sempre uma agradável surpresa.
Surpresa essa que consistia em reunirmo-nos todos já nas novas instalações do Colégio, onde debaixo de um sigilo enorme,tendo geralmente como cúmplices a professora Dra. Maria do Carmo Sequeira, entre outras, cada uma das alunas confeccionava um salgado ou um bolo e os rapazes participavam com as bebidas, que geralmente eram sumos de frutas ou a tradicional coca-cola.
A mesa era posta num dos salões decorados para o efeito e, após a concentração de todos os alunos, o Padre Joaquim Valente era chamado a participar!
A seguir passo a colocar uma das fotos que conservo num dos meus albúns, precisamente quando o grupo dos antigos alunos cantava "Os parabéns a você", enquanto que o aniversariante, com o seu olhar sempre perspicaz , estava pensando no seu discurso!
Claro que a seguir às suas breves palavras, tinha sempre que soprar as velinhas!
E a foto seguinte, fala por mil palavras!
De seguida vinha a parte menos formal!
Quando todos nos juntávamos, de mãos dadas, fazendo rodinhas ao som da música vinda de um gira-discos e rodopiando pela sala, numa alegre confraternização que durava até que chegasse a horinha do recolher!
Nesta foto, dá para ver, ao centro, as alunas mais velhas segurando as mãos umas das outras, enquanto os mais jovens se passeavam por entre nós, rodopiando ao som da música.
Saudades de um tempo maravilhoso!

3 comentários:

Anônimo disse...

Lindo Lena!

Anônimo disse...

O anónimo sou eu Lena, a Leonor!
Bj
Leonor

Anônimo disse...

Frequentei a escola comercial do Pemba, nos anos lectivos de 66/67 e 67/68, nos 1º e 2º anos do curso geral de comércio. Ao tempo, era director o Dr. Talhante. Ainda me recordo, quase como se fosse hoje, de um episódio em que os alunos organizaram uma corrida, no espaço em frente a um dos pavilhões. Surpreendentemente, o Dr. Talhante, fez questão em participar. Resultado: a meio do percurso, tropeçou nos atacadores do um dos sapatos e caíu. Nada de grave, apenas umas esfoladelas. Alguém se lembra?